Padrao descobrimentos

padrao descobrimentos

Quem criou o padrão dos Descobrimentos?

Da autoria do arquiteto Cottinelli Telmo (1897 – 1948) e do escultor Leopoldo de Almeida (1898 – 1975), o Padrão dos Descobrimentos foi erguido pela primeira vez em 1940, de forma efémera e integrado na Exposição do Mundo Português.

Qual é a localização do padrão dos Descobrimentos?

O Padrão dos Descobrimentos é um monumento que se destaca na margem do rio Tejo e que se situa a uma centena de metros da Torre de Belém. ONDE FICA O PADRÃO DOS DESCOBRIMENTOS?

Quais são os dois lados do padrão dos Descobrimentos?

Dos dois lados do Padrão podem igualmente ver-se estátuas de figuras históricas ligadas à epopeia dos Descobrimentos Portugueses (séculos XV e XVI), à cultura e à religiosidade da época e à família real. Querem saber mais sobre o Padrão dos Descobrimentos?

Quais são as características do padrão de descobrimentos portugueses?

O Padrão contém estátuas de 33 pessoas importantes na história dos descobrimentos portugueses, a saber navegadores, cartógrafos, colonizadores, cronistas, artistas e outras personagens. À exceção da figura da proa, que tem 9 metros de alturas, todas as outras estátuas têm igualmente 7 metros.

Qual a importância do padrão dos Descobrimentos?

Isolado e destacado no paredão à beira do Tejo, o Padrão dos Descobrimentos evoca a expansão ultramarina portuguesa, sintetiza um passado glorioso e simboliza a grandeza da obra do Infante D. Henrique, o impulsionador das descobertas.

Qual foi o período da Era dos Descobrimentos?

O medo do mar foi um dos grandes desafios para a Era dos descobrimentos. Os portugueses em busca de uma nova rota até as Índias, contornaram todo o continente africano, fazendo o Périplo, que iniciou no início do século XV e terminou no século XVI.

Quais foram os arquitetos que construíram o padrão dos Descobrimentos?

Os seus autores foram o arquiteto Cottinelli Telmo e o escultor Leopoldo de Almeida. Mais tarde, em 1960, nas comemorações dos 500 anos sobre a morte do infante D. Henrique, esse monumento foi substituído por outro idêntico, mas mais resistente, o atual Padrão dos Descobrimentos, executado em betão e em cantaria de pedra calcária rosal de Leiria.

Quais foram os descobrimentos portugueses?

Os descobrimentos portugueses foram o conjunto de conquistas realizadas pelos portugueses em viagens e explorações marítimas entre 1415 e 1543 que começaram com a conquista de Ceuta em África.

Onde fica o padrão dos Descobrimentos?

O Padrão dos Descobrimentos (ou Monumento aos Descobrimentos; ou Monumento aos Navegantes) localiza-se na freguesia de Belém, na cidade e Distrito de Lisboa, em Portugal. A conceção arquitetónica é de Cottinelli Telmo e as esculturas são de Leopoldo de Almeida .

Qual a altura do padrão dos Descobrimentos?

O Padrão dos Descobrimentos evoca a expansão ultramarina portuguesa e o seu formato de caravela tem 56 metros de altura e 46 metros de comprimento. A figura do timoneiro Infante D. Henrique apresenta uns majestosos 9 metros de altura, enquanto os seus companheiros de viagem, 7 metros cada um.

Onde fica o monumento Padrão dos Descobrimentos?

O monumento Padrão dos Descobrimentos fica na região de Belém, na cidade de Lisboa. Veja detalhes no mapa: Para chegar ao monumento, é preciso ir à Belém, região com várias atrações turísticas em Lisboa. São várias as opções para chegar lá. Ônibus: as linhas 714, 727, 728, 729 e 751 chegam até o monumento.

Postagens relacionadas: