Farmácias com testes comparticipados

farmácias com testes comparticipados

Como funciona a comparticipação de testes?

A comparticipação é limitada a um máximo de 4 testes por mês, cujo preço unitário não pode exceder os 10 euros. A comparticipação não se aplica a utentes com o certificado de vacinação (completa) ou o certificado de recuperação, nem a menores de 12 anos. A medida estará em vigor durante o mês de julho, com a possibilidade de ser renovada.

É possível fazer testes rápidos em farmácias e drogarias?

A disponibilidade dos testes rápidos em farmácias e drogarias dependerá da decisão do estabelecimento de oferecer ou não este serviço de assistência à saúde. A norma da Anvisa não estabelece obrigatoriedade desse serviço nessas unidades.

Quais são os laboratórios e farmácias que realizam testes rápidos antigénio?

A Autoridade Nacional do Medicamento e Produtos de Saúde (Infarmed) revelou, esta quinta-feira, as listas de laboratórios e farmácias que realizam testes rápidos antigénio (TRAg) de uso profissional comparticipados. Esta encontra-se em constante atualização. Assim, revela a Autoridade, há 622 farmácias de oficina a executarem estes testes.

Quando é indicado o teste rápido de antígeno?

Teste rápido de antígeno (oral): é indicado para pessoas que estejam com sintomas da COVID-19, entre o 1º e o 7º dia da suspeita da infecção. Os testes rápidos de COVID-19 são menos sensíveis do que o teste de RT-PCR feito em laboratório, podendo dar um resultado falso negativo.

Quais são os testes mais baratos para pesquisa de antigénio?

Regra geral, os testes de pesquisa de antigénio e os autotestes são mais baratos, sendo os RT-PCR mais dispendiosos.

É possível fazer testes rápidos em farmácias e drogarias?

A disponibilidade dos testes rápidos em farmácias e drogarias dependerá da decisão do estabelecimento de oferecer ou não este serviço de assistência à saúde. A norma da Anvisa não estabelece obrigatoriedade desse serviço nessas unidades.

Como é feito o pagamento dos testes às farmácias e laboratórios?

O pagamento destes testes às farmácias e laboratórios processa-se com base nas regras definidas para a comparticipação de medicamentos ou meios complementares de diagnóstico e terapêutica, com as necessárias adaptações.

Postagens relacionadas: