Parafusos

parafusos

O que são parafusos e para que servem?

Parafusos são elementos de fixação, empregados na união não permanente de peças, isto é, as peças podem ser montadas e desmontadas facilmente, bastando apertar e desapertar os parafusos que as mantêm unidas. Os parafusos se diferenciam pela forma da rosca, da cabeça, da haste e do tipo de acionamento.

Quais são os parafusos mais cômodos?

Por esta razão, dos três parafusos apresentados, o mais cômodo é o hexagonal, pois é o que pode ser apertado ou desapertado com giros menores (60°), isto é, com movimentos mais curtos do braço. Observe que este ângulo de giro a que estamos nos referindo é o ângulo central do polígono regular.

Quais são os parafusos passantes?

Os parafusos passantes apresentam-se com cabeça ou sem cabeça. São parafusos que não utilizam porcas. O papel de porca é desempenhado pelo furo roscado, feito numa das peças a ser unida.

Qual é a cabeça do parafuso?

Repare que sua cabeça (onde se encaixa a chave para apertá-lo ou desapertá-lo) é um poliedro: trata-se de um prisma regular hexagonal. Certa vez vimos um parafuso especial de uma máquina, cuja cabeça era um prisma regular triangular: Por que não existem (pelo menos nunca vimos) parafusos pentagonais ou octogonais?

Quais são os diferentes tipos de parafusos?

Existem diferentes tipos de parafuso. De acordo com a sua cabeça, os parafusos podem ser hexagonais, quadrados, arredondados e de outros tipos. No que toca ao modo de sujeição, pode-se fazer a distinção entre parafusos, parafusos de união, parafusos de sujeições removíveis, parafusos de sujeições permanentes, etc.

Qual a origem do parafuso?

Algumas evidências apontam o parafuso como parte integrante de rústicos instrumentos cirúrgicos pelos anos de 79 a.C.. O parafuso já era descrito em livros do início do século XV e anos mais tarde, Johann Gutenberg já os utilizava em sua impressora.

Quais são as aplicações do parafuso?

Essa parte na anatomia do parafuso pode ter várias aplicações. Algumas são a fixação de parafusos em madeira, em metais, polímeros e outros substratos, conexão de canos e peças distintas, e mudanças por meio da transformação de movimento de rotação em linear.

Quais são as classes de parafusos?

Há, também, diferenças entre as classes que têm materiais e tratamentos distintos. Os parafusos de classe 4.8, 5.8 e 6.8, por exemplo, não recebem tratamento térmico, de têmpera e revestimento e costumam ser produzidos em aço de baixo ou médio teor de carbono.

Qual a diferença entre parafuso de pressão e parafuso não passante?

Já os parafusos não-passantes são aqueles que não se utilizam de porcas. O papel da porca, nesses casos, é desempenhado pelo furo roscado, feito em uma das peças a ser unidas. Os parafusos de pressão, por sua vez, são aqueles que são fixados por meio de pressão. A pressão é exercida pelas pontas dos parafusos contra a peça a ser fixada.

Por que os parafusos são diferentes?

Os parafusos auto atarraxantes e comuns têm a mesma função que é fixar peças, mas o jeito correto de utilizar os parafusos atarraxantes e comuns é totalmente diferente. O parafuso auto atarraxante não precisa que haja uma rosca no furo.

Quais são as medidas dos parafusos?

As medidas destes parafusos atualmente são fornecidas em milímetros, tendo em seu primeiro número o diâmetro do corpo na parte superior e o segundo número o seu comprimento. É fornecido em latão ou aço galvanizado.

Quais são as diferenças entre parafusos e hastes?

Os parafusos se diferenciam pela forma da rosca, da cabeça, da haste e do tipo de acionamento. O corpo do parafuso pode ser cilíndrico ou cônico, totalmente roscado ou parcialmente roscado.

Postagens relacionadas: