Zoo lisboa

zoo lisboa

Por que visitar o Zoológico de Lisboa?

O Jardim Zoológico de Lisboa assume um papel ativo na conservação e proteção da Natureza, e com a melhoria das instalações ao passar dos anos, conseguiu elevar a taxa de natalidade dos animais. O parque conta com cerca de 2000 animais, divididos em aproximadamente 330 espécies.

Quais são os animais que habitam no novo zoo de Lisboa?

Neste novo Zoo habitam cerca de 2000 animais num conjunto de aproximadamente 300 espécies, entre mamíferos, aves, répteis e anfíbios. TAGS: historia , zoo , jardim , zoologico DESCRIPTION: Inaugurado em 1884, o Jardim Zoologico de Lisboa foi o primeiro parque com fauna e flora da Peninsula Iberica, contando ja com 134 anos de historia.

Onde fica o Jardim Zoológico de Lisboa?

Jardim Zoológico de Lisboa: entrada. O Jardim Zoológico e de Aclimação em Portugal, localiza-se em Sete Rios, em Lisboa, Portugal. Atualmente reúne um conjunto representativo de todo o planeta, com cerca de 2000 animais de 300 espécies diferentes.

Por que visitar o jardim zoológico?

Aliada à educação está uma forte componente de entretenimento que garantirá um dia bem passado em família, sempre com a convicção de que ao visitar o Jardim Zoológico está a contribuir para este grande projecto de conservação de espécies em vias de extinção e dos seus habitats. Recomende alterações para melhorar nosso conteúdo.

Por que visitar o Jardim Zoológico de Lisboa?

No Jardim Zoológico de Lisboa podemos encontrar: tigres-de-sumatra, leões, girafas, elefantes, aves da América do Sul e muito mais. Além disso, o zoo oferece aos seus visitantes uma grande oferta de atividades e atrações para todas as idades, desde espetáculos ao vivo até à possibilidade de pegar um trem que percorre toda a área do parque.

Por que planear a sua visita no Zoo?

Ao planear a sua visita, ganha mais tempo para desfrutar dos nossos serviços! Além de um centro de apoio ao visitante, poderá encontrar um espaço para o seu bebé, uma área onde registamos em foto os seus melhores momentos no Zoo, a Loja Zoo, os Zoocars e, ainda, a possibilidade de fazer visitas guiadas.

Qual a importância do jardim zoológico?

Desde 1884, o Jardim Zoológico assume a missão de desenvolver e promover um parque zoológico e botânico de excelência, um centro de conservação de espécies vulneráveis e ameaçadas pela extinção. A investigação científica, os programas de enriquecimento ambiental, e a educação para a conservação, em conjunto, são determinantes para esta missão.

Quais são os melhores lugares para ir com os pequenos em Lisboa?

O Zoológico de Lisboa é um lugar muito bacana para conhecer e passar o tempo. Ele foi inaugurado em 1844 e foi o primeiro parque da Península Ibérica com fauna e flora. Muitos animais vieram da África e do Brasil, contribuindo para que este atrativo tivesse uma vasta e diversificada coleção de animais.

Por que visitar o Zoológico de Lisboa?

O Jardim Zoológico de Lisboa assume um papel ativo na conservação e proteção da Natureza, e com a melhoria das instalações ao passar dos anos, conseguiu elevar a taxa de natalidade dos animais. O parque conta com cerca de 2000 animais, divididos em aproximadamente 330 espécies.

Onde está localizado o jardim zoológico?

Inaugurado em 1884, as suas primitivas instalações foram no Parque de São Sebastião da Pedreira, vindo a serem transferidas em 1894 para os terrenos de Palhavã, no terreno onde hoje se situa a Fundação Calouste Gulbenkian. Mais tarde, em 1905, o Jardim Zoológico foi transferido para a sua actual localização, na Quinta das Laranjeiras, em Sete Rios.

Qual o objetivo da gestão do jardim zoológico?

O Presidente do Jardim Zoológico Félix Naharro Pires em 1990 adotou uma política de gestão com objetivo a modernização das instalações e serviços então existentes, promovendo características naturalistas no espaço.

Qual é a missão do jardim zoológico?

A missão do Jardim Zoológico é desenvolver e promover um parque zoológico e botânico, como um centro de conservação, reprodução e reintrodução de espécies em vias de extinção, através da investigação científica e de programas de enriquecimento ambiental.

Postagens relacionadas: