Bolo rei escangalhado

bolo rei escangalhado

Qual é a tradição do bolo rei?

Actualmente a tradição do bolo rei mantêm-se, e já ninguém lhe chama outro nome. É uma sobremesa acarinhada pelas famílias Portuguesas e que não falta nos principais dias de festa, natal, ano novo, reis e Páscoa, pelo menos. É também tradicional noutros países da Europa como em Espanha, onde a receita é ligeiramente diferente da versão portuguesa.

Quais são as melhores opções de bolo rei?

O bolo rei escangalhado é uma ótima opção ao tradicional bolo rei. Neste bolo rei não se usam as típicas frutas cristalizadas, mas sim apenas frutos secos. E que tal incluir os mais pequenos nestas tradições natalícias?

Como surgiu o bolo de reis?

No Porto, o bolo-rei foi introduzido em 1890, por iniciativa da Confeitaria Cascais, segundo uma receita que o proprietário, Francisco Júlio Cascais, também trouxera de Paris. [ 12] As receitas cruzariam mais tarde o Atlântico para chegarem ao Brasil onde similarmente virou tradição. [ 13]

Qual é o recheio do bolo-rei?

Esta versão de Bolo-Rei não leva frutas cristalizada, habitualmente leva frutos secos, doce de chila e um recheio de creme de pasteleiro. Mas como acontece em todas as versões do Bolo-Rei o recheio pode variar, havendo versões de doce de ovos e chocolate, por exemplo.

Qual é a origem do bolo rei?

Quanto à fava, não há outro remédio e o ‘achador’ teria a responsabilidade de comprar o bolo rei no ano seguinte. A sua origem estará num ritual romano, em que o rei da festa do banquete das Saturnais era eleito através de sortes tiradas com favas.

Por que o bolo rei é tão importante para as famílias portuguesas?

O bolo rei já tem quase dois mil anos e faz sempre parte do natal das famílias portuguesas. Lembra-se da história dos 3 Reis Magos – Baltazar, Gaspar e Belchior – este é o motivo principal pelo qual nasceu o bolo rei. A lenda diz que o bolo simboliza os presentes que os reis magos ofereceram: ouro, mirra e incenso.

Qual é a origem do bolo?

Contudo, existe uma lenda portuguesa que o associa aos Ris Magos e lhes atribui a origem do bolo. Conta a lenda que num país distante viviam três homens sábios que analisavam e estudavam as estrelas e o céu. Estes homens sábios chamavam-se Gaspar, Melchior e Baltazar, a que a tradição deu a nomeação de “três Reis Magos”.

Qual é a origem do bolo-rei?

O Bolo-Rei é o bolo tradicional do Natal Português mas a sua origem tem várias raízes. A ideia de um bolo misturado com fruta cristalizada terá surgido na corte do rei Luís XIV, em França, que com os tempos foi-se espalhando pelo resto da Europa.

Quais são os diferentes gostos do bolo de reis?

Receita tradicional do Natal, o Bolo de Reis é uma gostosura que pode ser apreciada durante o ano todo. Com um sabor muito marcante e intenso, ele leva ingredientes bem especiais, como frutas cristalizadas, nozes e as polêmicas uvas passas. No entanto, tem para todos os gostos: são diferentes opções que vão agradar os mais variados paladares!

Como é o bolo de reis natalino?

O bolo de reis natalino é como se fosse um bolo panetone, ele fica muito gostoso, a massa fica bem molhadinha e ele não fica muito doce, fica na medida certa. É ideal para reunir a família no natal e servir esse bolo como sobremesa, ou se preferir você também pode fatiar o bolo de rei em fatias pequenas e servir como entrada antes da ceia.

Quais foram os piores tempos para o bolo rei?

Mas com a proclamação da República, a 5 de Outubro de 1910, vieram os piores tempos para o Bolo Rei ficando em risco a sua existência, por causa da palavra “rei”, símbolo do poder supremo que tinha sido derrubado. O bolo tinha que desaparecer ou arranjar outra designação...

Qual o significado do bolo?

Diz a lenda que o bolo representa os presentes que os três Reis Magos deram ao Menino Jesus aquando do seu nascimento: a côdea simboliza o ouro; as frutas cristalizadas e secas, representam a mirra; e o aroma do bolo simboliza o incenso.

Postagens relacionadas: